A alimentação de bezerras - leite, concentrado, volumoso e peso ideal

Escrito por Rodrigo Knolseisen

Se a sua pergunta é simplesmente, quantos litros de leite uma bezerra deve beber por dia? A resposta simples é - o ideal é fornecer o equivalente a pelo menos 10% do peso vivo - ao nascer - do animal, em leite, por dia, pelos primeiros 2 meses de idade do animal.

Imagem de uma bezerra pastando

Ou seja, se a bezerra nasce com cerca de 50kg, ele deve tomar cerca de 5kg de leite em um dia.

Na prática, hoje, na maioria dos casos o produtor dá 4 litros de leite por dia por todo o período de amamentação. Esse número é cerca de 10% do peso de uma bezerra holandesa quando nasce, o que pode ser pouco conforme o animal vai crescendo.

Além do leite, a alimentação do bezerro também deve ser composta por concentrado, água e volumoso. Vamos falar um pouco sobre cada:

Leite natural e suscedâneo - o leite em pó

O bezerro pode ter uma dieta baseada tanto em leite natural quanto em suscedâneo lácteo, conhecido como leite em pó para bezerros. A dieta de leite natural, diretamente da úbere da mãe, é recomendável para propriedades em que o plantel é formado por rebanho de animais de raça com cupim, onde as vacas normalmente "escondem o leite" quando estão sendo ordenhadas sem um bezerro por perto.

Você também pode fazer o processo de aleitamento de forma artificial, ou seja, oferecer o leite em um balde ou uma mamadeira, nesse caso podendo ser tanto o leite natural da vaca quanto alguma fórmula de leite em pó para bezerros.

O aleitamento artificial, seja de leite natural ou em pó apresenta algumas vantagens, como o controle da quantidade de leite ingerida por cada bezerro e a ordenha com mais higiene.

Nos primeiros dias, o colostro

Não importa qual o tipo de aleitamento escolhido, nos primeiros dias o mais importante é amamentar a bezerra com o colostro.

O colostro nada mais é do que o leite que a vaca produz logo após o parto, por aproximadamente três dias consecutivos. Amamentar os bezerros recém-nascidos com colostro é fundamental por que é através dele que as vacas passam seus anticorpos para os bezerros. Após a bezerro ser separada da mãe, o colostro deve ser oferecido até o terceiro dia de vida, com isso o produtor melhora a imunidade da bezerra, economizando em medicamentos e consegue desmamar animais com maior desempenho.

É importante dar ao bezerro uma quantidade suficiente de colostro nos primeiros 2 dias de vida. Durante o primeiro dia 20% do peso vivo e durante o segundo dia 15% do peso vivo.

A quantidade de leite e o peso do animal

Nas duas primeiras semanas de vida da bezerra, podemos perceber elas mugindo constantemente, e isso não é um bom sinal, indica que o animal está com fome. Mas como saber o quanto de alimento oferecer para as bezerras?

Como dito no início do texto, o ideal é oferecer no mínimo 10% do peso vivo do animal ao nascer, em leite por dia. Na primeira semana duas vezes por dia, e a partir daí tudo de uma vez, em horário que for mais conveniente para o produtor.

Manter regularidade no horário escolhido e a temperatura correta na hora de aleitar é importante, e entre outras coisas, ajuda as bezerras e terem menos casos de diarreia.

Acompanhe o ganho de peso do seu rebanho

Uma métrica para ficar de olho é o GPMD, ou seja, o ganho de peso médio diário. Para calcular ele você precisa saber o peso do animal no nascimento o peso no desaleitamento, subtrair esses números e dividir pelo número de dias entre o desaleitamento e o nascimento.

Ou seja, se uma bezerra nasceu com 42 quilos e o desaleitamento foi com ela tendo 65 quilos aos 60 dias de idade, você primeiro faz 65 - 42, que vai resultar em 23, então você divide esse número pelo número de dias até o desaleitamento, ou seja 23/60, o resultado nesse caso foi 0,383kg por dia. E lembre-se, o GPMD deve ser maior do que 0,35kg por dia, números inferiores podem indicar um animal não saudável.

Estar ciente deste número ajuda o produtor a construir uma dieta equilibrada para seus animais e entender melhor se o lote de bezerros está se desenvolvendo como deveria, dando capacidade ao produtor para criar estratégias caso esteja com um GPMD abaixo de 0,35kg/dia em seu rebanho.

Concentrado e volumoso

Nos dois primeiros meses, concentrado de qualidade

O concentrado que será fornecido as bezerras do nascimento até os 60 ou 70 dias de idade, deve ter na sua composição apenas alimentos considerados de excelente qualidade. Concentrados contendo grãos que sofreram tratamento térmico e/ou vapor, e aqueles na forma de pellets, são mais fáceis de digerir para o jovem animal, o que estimula esse animal a começar a comer ele desde cedo.

Durante a fase de aleitamento, a alimentação com leite e concentrado - sem fornecimento de volumoso - apresenta um bom desenvolvimento ruminal e adaptação do rúmen, o primeiro estômago da vaca, para o desaleitamento precoce da bezerra. É importante levar em consideração o nível de fibra deste concentrado, para evitar a redução do pH ruminal da bezerra.

Níveis de 16 a 25% de fibra em detergente neutro (FDN) são indicados e podem ser obtidos com a adição de co-produtos, tais como a casca de soja ou polpa cítrica ou pela adição de pequena quantidade de feno picado ao concentrado, aproximadamente 5%.

A partir dos 60 ou 70 dias já pode utilizar concentrados mais baratos. Após o desaleitamento, o consumo de concentrado tende a aumentar bastante, então deve-se limitar a quantidade de concentrado fornecida ao animal, para estimular o consumo de volumoso.

É recomendável que as bezerras tenham, desde a primeira semana de idade, água fresca e limpa, porque dentre outras coisas, os animais com água a disposição podem ter um maior consumo de concentrado.

Uma dica importante é sempre verificar qual é a condição do concentrado que sobrou: se estiver molhado ou mofado, jogar ele fora; se seco e em boas condições, pode deixar ele e apenas completar.

Para desenvolver o rúmen, volumoso

Um bom volumoso deve ser fornecido desde a segunda semana de idade. Esses tipos de alimentos são muito importantes para o desenvolvimento saudável do animal.

Em escala de importância, para bezerras, antes dos três meses de idade, bons fenos são os melhores alimentos, seguidos por alimentos verdes picados, que são melhores que boas silagens.

Ou seja, se possível tratar as bezerras com feno, caso não tenha um feno de boa qualidade a disposição, utilizar verdes picados ou pastos de alta qualidade. É bom lembrar que antes dos três meses de idade, o uso de alimentos fermentados, como silagens, não é recomendado, pois o animal ainda não consegue fazer boa digestão desses alimentos.

O desaleitamento dos bezerros

A desmama precoce

A desmama precoce tem suas vantagens, as maiores delas são:

Quanto tempo alimentar a bezerra com leite?

Quando a bezerra estiver consumindo consistentemente de 800g ou mais de concentrado por dia, ela estará pronta para ser desaleitada, independentemente de sua idade, tamanho ou peso. Não há razão para o fornecimento da dieta líquida ser superior a oito semanas, ou seja dois meses.

O recomendável é o desaleitamento abrupto. Não é necessária a redução aos poucos da quantidade de leite oferecida para os animais, além de trabalhosa, essa prática se torna cada vez mais difícil enquanto a propriedade escala em número de animais.

Porém as bezerras ainda devem se manter na sua instalação por mais duas semanas após o corte da alimentação baseada em leite, recebendo água e alimentos sólidos. Assim, elas perderão o hábito de tomar leite com menor estresse, e será possível observar como eles reagiram ao desaleitamento.


Gerencia leite

O seu rebanho de onde você estiver, quando você quiser

Todos os dados da sua propriedade, de forma fácil. Com o Gerencia leite, você sempre estará um passo à frente. Sabendo o que, onde e como melhorar em sua propriedade.

Quero saber mais